Estamos nas Redes

Prefeitura

Prefeitura convoca beneficiários do Auxílio Brasil para acompanhamento em saúde

Publicado

on

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), está convocando os beneficiários do programa Auxílio Brasil para o acompanhamento em saúde, que deve ser feito semestralmente. Na capital amazonense, 337.513 usuários devem ser acompanhados na primeira vigência do programa neste ano, de janeiro a junho, bastando comparecer a qualquer Unidade Básica de Saúde (UBS).

A chefe do Núcleo de Alimentação e Nutrição da Semsa, Lia Ferreira, informa que, do total de beneficiários, 220.472 são mulheres na faixa etária de 14 a 44 anos, e 117.041 são crianças de até 7 anos de idade. Apenas esses dois públicos são considerados prioritários para o acompanhamento em saúde do programa, coordenado pelo Ministério da Cidadania.

“Essa é uma das condicionalidades do governo federal para garantir que a família continue recebendo o auxílio, assim como também é exigida a frequência escolar, por exemplo. Porém, além disso, é um momento muito importante para as mulheres e crianças serem recebidas nas nossas unidades e passem por uma avaliação de saúde completa, para que os profissionais possam intervir em tempo oportuno se houver necessidade”, conta.

Lia explica que, no caso das mulheres, um dos pontos analisados é se ela está com o exame preventivo atualizado. Se não, o profissional médico ou enfermeiro da UBS dará todas as orientações para que ela realize o procedimento, e assim possa se prevenir contra o câncer do colo do útero. Se ela estiver grávida, é verificado se as consultas pré-natal estão em dia.

“Os profissionais também realizam uma avaliação geral de forma preventiva, conferindo os índices nutricionais e de desenvolvimento, como altura e peso, e também o cartão vacinal dessa usuária. Ao buscar a UBS, as mulheres podem, ainda, acessar serviços de planejamento familiar, como inserção de DIU, ou alguma outra questão particular”, diz Lia.

Já as crianças têm, principalmente, o cartão vacinal e os índices nutricionais verificados, sendo este último uma das estratégias para a prevenção contra a desnutrição ou obesidade. A criança poderá ser inserida, se for recomendado pelo profissional de saúde, nos programas de suplementação de micronutrientes desenvolvidos no município, como vitamina A e ferro.

Ao buscar a unidade de saúde, o usuário precisa apresentar RG, CPF e Cartão Nacional de Saúde (CNS). Se gestantes, é recomendado que as mulheres levem o cartão de pré-natal, e as crianças devem levar o cartão de vacina. A lista com os endereços e horários de funcionamento das unidades básicas pode ser encontrada no site da secretaria (semsa.manaus.am.gov.br).

Texto – Victor Cruz/Semsa

Fotos –  Divulgação/Semsa

Publicidade

Facebook