Estamos nas Redes

ELEIÇÕES 2024

Professora e pré-candidata a prefeita, Maria do Carmo diz que população deve ser protagonista das mudanças em Manaus

Publicado

on

Intensificando agenda de visita às comunidades, apresentando seus ideias, sua experiência em gestão e os resultados alcançados na iniciativa privada que a credenciam a se apresentar como pré-candidata à Prefeitura de Manaus, a professora Maria do Carmo Seffair (NOVO-AM) esteve no último final de semana na Compensa, zona Oeste, a convite da população, para ouvir pedidos por melhorias que, futuramente, devem integrar seu plano de governo.

“A população precisa entender que ela é protagonista das mudanças. Como professora e reitora tenho despertado esse pensamento crítico. Se não tem o básico é preciso se incomodar, é preciso cobrar e não se deixar cair no conformismo”, defendeu Maria do Carmo.

No sábado, 27/4, ela esteve na rua Casemiro de Abreu, Compensa, em uma reunião organizada pelo pré-candidato a vereador pelo partido Novo, Jocson Batalha. Dentre os principais problemas citados estava o caos na saúde pública e o trânsito, com foco aos motoristas de aplicativo.

Maria do Carmo destacou a necessidade de novas alternativas para o transporte coletivo, além de ônibus, novos corredores viários, e uma fiscalização mais efetiva aos recursos destinados à saúde, “de forma que o dinheiro chegue onde deve e o atendimento da população funcione”, disse a pré-candidata.

No domingo, 28, Maria do Carmo participou de um programa sobre cultura em uma emissora de rádio local e destacou a necessidade de fomento na cadeia de economia criativa voltada para o turismo e para a cultura.

“Cultura é educação, é emprego e renda. Não adianta repasse de valores somente no período do Carnaval, por exemplo, é preciso investir nas comunidades e nas agremiações o ano inteiro, fomentando atividades esportivas, cursos profissionalizantes e uma série de ações que fazem parte da rotina da população e que se refletem em mais qualidade de vida”, explicou Maria do Carmo.

Para a pré-candidata a prefeita de Manaus, a o setor cultural impulsiona a economia, cria empregos, atrai turistas, além de ser uma forma eficaz de combater a exclusão social e reduzir a violência.

Fotos: Divulgação

Publicidade

Facebook