Estamos nas Redes

Política

Caio André pede celeridade na tramitação de PL sobre a instalação de medidores aéreos em Manaus

Publicado

on

O presidente da Câmara Municipal de Manaus (CMM), vereador Caio André (PSC), usou a tribuna do plenário Adriano Jorge, na manhã desta quarta-feira (1º/03), para reforçar o Projeto de Lei nº 375/2022, e pedir que este trâmite com celeridade na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) da Casa Legislativa.

O PL do presidente da CMM acrescenta ao artigo 1º da Lei Municipal nº 2.208/2017, onde fica proibida a instalação de sistemas de medição de energia elétrica, externos ou centralizados, fixados nos postes de energia elétrica, ressalvadas as caixas de passagem de energia elétrica, transformadores e cabeamento de internet e TV a cabo, desde que seja observado um raio de 500 metros entre um e outro, para evitar poluição visual.

Durante o pronunciamento na tribuna, Caio André explicou o anseio da população e pediu celeridade no parecer da CCJR.

“Nós temos tramitando aqui nesta Casa o Projeto de Lei nº 375, vereador Gilmar (Nascimento), e aí eu solicito à vossa excelência que, se possível, dê a maior celeridade possível a este projeto, que fala justamente sobre a poluição visual que estes medidores aéreos e estes novos postes trazem a cidade de Manaus”, disse o presidente.

Caio André citou que, além da poluição visual causada pelos medidores, os fios que ficam expostos por conta do serviço realizado pela concessionária, causam insegurança para a população. Ainda durante o pronunciamento, o presidente da CMM mostrou um vídeo, onde moradores insatisfeitos reclamam da instalação de novos medidores em ruas do bairro Dom Pedro, na zona centro-oeste da capital.

Texto: Diretoria de Comunicação da CMM
Foto: Emerson França – Dicom/CMM

Publicidade

Facebook