Estamos nas Redes

Esportes

Santos vence Palmeiras por 1 a 0 e sai na frente na final do Paulistão

Publicado

on

O Santos saiu na frente na disputa pelo título do Campeonato Paulista. Neste domingo de Páscoa, no primeiro jogo da final, o Peixe venceu o Palmeiras por 1 a 0, na Vila Belmiro, garantindo uma vantagem inicial sobre o rival. O gol foi marcado por Otero.

Com esse resultado, o time alvinegro pode até mesmo empatar no jogo de volta, no Allianz Parque, e ainda assim conquistar o troféu. Em caso de empate no placar agregado, a decisão será decidida nos pênaltis.

O clássico contou com a presença ilustre de Neymar. Ídolo do Santos, o astro do Al-Hilal e da Seleção Brasileira esteve na Vila e participou da cerimônia pré-jogo, entrando em campo com a taça do Paulistão. Foi ovacionado pela torcida e depois assistiu ao jogo do camarote.

O jogo de volta da final está agendado para o próximo domingo, às 18h (horário de Brasília), no Allianz Parque. O Santos terá a semana livre para se preparar, enquanto o Palmeiras enfrenta outra partida antes do confronto decisivo.

A equipe de Abel Ferreira viajará para a Argentina na quarta-feira para enfrentar o San Lorenzo, em sua estreia na fase de grupos da Libertadores. O jogo está marcado para começar às 21h30.

O jogo

O Santos até esboçou uma pressão inicial, mas a primeira oportunidade de perigo do jogo foi do Palmeiras. Logo aos quatro minutos, Otero perdeu a bola no meio de campo e ela chegou até Endrick, que lançou Flaco López. O jogador saiu frente a frente com João Paulo, chutou rasteiro, mas o goleiro defendeu.

Três minutos depois, o Peixe respondeu. Após boa troca de passes, Joaquim carregou a bola, arriscou de longe e viu Weverton fazer a defesa. Já aos 13, foi a vez de Guilherme puxar contra-ataque, levando da esquerda para o meio, e chutar da entrada da área. A bola passou raspando a trave.

Weverton precisou trabalhar mais uma vez aos 17. Em cobrança de falta venenosa, Otero bateu firme e assustou o goleiro, que espalmou para a linha de fundo. Dez minutos depois, Furch recebeu lançamento e ajeitou de cabeça para Guilherme, que arrancou pela esquerda e bateu no canto, mas o arqueiro foi buscar.

Inspirado, Guilherme voltou a levar perigo aos 33 minutos. Ele puxou contragolpe em velocidade, invadiu e área e finalizou de perna esquerda, nas mãos de Weverton.

Segundo tempo

O Santos voltou do vestiário a todo vapor e enfim abriu o placar da decisão logo aos dois minutos. Guilherme fez bela jogada pela esquerda, foi à linha de fundo e cruzou na medida para o baixinho Otero, que subiu e cabecou firme para o fundo das redes: 1 a 0!

Aos 13, o Peixe quase ampliou a vantagem. Após uma confusão na área, a bola sobrou com Joaquim, que chutou com força a exigiu boa defesa de Weverton. Morelos se esticou para pegar o rebote, mas não conseguiu.

Atrás do marcador, o Palmeiras se lançou ao ataque e, por pouco, não deixou tudo igual. Aos 33, Lázaro encontrou Vanderlan, que partiu em velocidade e cruzou rasteiro para Rony. O atacante se esticou e chutou com a ponta do pé, mas João Paulo espalmou.

FICHA TÉCNICA
SANTOS 1 X 0 PALMEIRAS

Local: Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 31 de março de 2024 (domingo)
Horário: às 18h (de Brasília)
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse e Fabrini Bevilaqua Costa
VAR: Daiane Muniz do Santos
Cartões amarelos: João Schmidt e Morelos (Santos); Zé Rafael e Estêvão (Palmeiras)
Cartões vermelhos: Nenhum
Público: 15.946 torcedores
Renda: R$ 1.075.330,00

GOL: Otero (Santos), aos 2′ do 2°T

SANTOS: João Paulo; JP Chermont (Aderlan), Gil, Joaquim e Felipe Jonatan; João Schmidt (Rincón), Diego Pituca e Giuliano (Cazares); Otero (Pedrinho), Guilherme e Julio Furch (Morelos).
Técnico: Fábio Carille

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Murilo e Luan; Mayke (Estêvão), Aníbal Moreno, Zé Rafael (Richard Ríos), Raphael Veiga e Piquerez (Vanderlan); Endrick (Lázaro) e Flaco López (Rony).
Técnico: Abel Ferreira

Foto: Rebeca Reis, João Loureiro e Jhony Inácio/Ag. Paulistão

Publicidade

Facebook