Estamos nas Redes

Esportes

Fluminense derrota Cerro Porteño no Maracanã e confirma vaga nas oitavas da Libertadores

Publicado

on

O Fluminense venceu o Cerro Porteño-PAR por 2 a 1 nesta quinta-feira, no Maracanã, garantindo a classificação para as oitavas de final da Libertadores como líder do grupo A, com 11 pontos. Os paraguaios seguem na segunda posição, com cinco pontos.

O placar foi aberto por Marcelo no primeiro tempo. Viera empatou para o Cerro Porteño logo em seguida. Na etapa final, Ganso marcou o gol da vitória para o time carioca.

Na última rodada, o Fluminense enfrentará o Alianza Lima-PER no Maracanã, no dia 29 de maio. No mesmo dia, o Cerro Porteño jogará contra o Colo Colo, no Paraguai.

O jogo

O Fluminense começou a partida com postura ofensiva e chegou a balançar a rede com Cano. No entanto, o lance foi invalidado por impedimento. O Cerro Porteño apostava nos contra-ataques e bolas paradas. Só que os tricolores não demoraram para abrir o placar, aos 14 minutos. Marcelo recebeu passe na área e acertou belo chute colocado, sem chance para Jean.

O Cerro Porteño não se intimidou com o revés e chegou ao empate aos 18 minutos. Viera recebeu passe na área e mandou para a rede.

Após o empate, o confronto voltou a se parecer como no início. O Fluminense seguia no ataque e quase marcou com Cano. Desta vez, Jean fez a defesa. Já o Cerro Porteño respondeu com Píris da Motta, que finalizou de longe e parou em Fábio. Os paraguaios também balançaram a rede, com Churín. Só que o gol foi anulado pelo VAR por impedimento do atacante.

Nos minutos finais, o Fluminense voltou a ter o controle da bola. Na melhor chance dos cariocas, Cano chutou para boa defesa de Jean. Assim, o confronto permaneceu empatado até o intervalo.

No segundo tempo, os tricolores voltaram tentando pressionar em busca do gol. No entanto, os donos da casa tinham dificuldade em passar pela marcação paraguaia. Na melhor chance dos cariocas, Cano cabeceou perto do gol. Já o Cerro Porteño apostava nos contra-ataques.

A situação ficou favorável para o Fluminense aos 24 minutos, quando o zagueiro Baez foi expulso após levar o segundo cartão amarelo. A partir dai, os cariocas aumentaram a pressão e chegaram ao gol três minutos depois. Ganso aproveitou cruzamento e cabeceou para a rede.

Mesmo depois do gol, os donos da casa mantiveram o controle da partida. O Cerro Porteño passou a buscar o ataque, mas sem qualquer perigo. O panorama da partida seguiu o mesmo nos minutos finais. No fim, o Fluminense confirmou a vitória, que classifica a equipe na liderança do grupo para as oitavas de final.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 2 X 1 CERRO PORTEÑO

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 16 de maio de 2024 (Quinta-feira)
Horário: 19h(de Brasília)
Árbitro: Daniel Herrera (Argentina)
Assistentes: Juan Belatti (Argentina) e Diego Bonfá (Argentina)
VAR: Mauro Vigliano (Argentina)

Cartões amarelos: Martinelli (Fluminense); Carrizo e De Jesus (Cerro Porteño)
Cartões vermelhos: Baez (Cerro Porteño)

GOLS

FLUMINENSE: Marcelo, aos 14min do primeiro tempo; Ganso, aos 27min do segundo tempo
CERRO PORTEÑO: Viera, aos 18min do primeiro tempo

FLUMINENSE: Fábio, Guga (Renato Augusto), Martinelli, Antônio Carlos e Marcelo; Alexsander, Lima, Paulo Henrique Ganso (Felipe Andrade) e Jhon Arias; Keno (Isaac) e Germán Cano (John Kennedy)
Técnico: Fernando Diniz

CERRO PORTEÑO: Jean Fernandes, Alan Benítez, Javier Báez, Eduardo Brock e Santiago Arzamendia; Robert Piris Da Motta, Carrascal (Morel) e Wilder Viera (Aguayo); Juan Manuel Iturbe (Carrizo), Cecilio Domínguez (De Jesus) e Diego Churín (Portillo)
Técnico: Manolo Jiménez 

FOTO: DE LUCAS MERÇON / FLUMINENSE FC

Fonte: Agência Brasil

Publicidade

Facebook