Conecte-se Conosco

Política

Senador Eduardo lança pré-candidatura de Viviane Lima para Câmara Federal em evento com mais de 200 pessoas

Publicado

em

Encontro aconteceu no Hotel Da Vince na tarde deste sábado e contou com a presença de autoridades políticas e PcDs

Mais de 200 pessoas estiveram reunidas na tarde deste sábado (02-jul) para o lançamento da pré-candidatura de Viviane Lima à deputada federal. A pré-candidata escolheu a legenda do Movimento Democrático Brasileiro (MDB).

O lançamento aconteceu no Hotel Da Vinci, no bairro Adrianópolis e contou com a presença do líder do MDB no Senado e ex-governador do Amazonas, Eduardo Braga (AM), apoiadores, amigos, familiares da pré-candidata e dezenas de pessoas com deficiência que lotarem o auditório do hotel.

Viviane disse que será uma honra defender, na Câmara Federal, as pessoas com deficiência, sem esquecer das famílias que dedicam suas vidas às pessoas com deficiência e destacou sua atuação em defesa dessas pessoas. “Chegou a hora de defendermos em Brasília os direitos das pessoas com deficiência. Estou pronta para esse desafio”, afirmou Viviane.

O senador Eduardo Braga disse que a pré-candidata tem como bandeira a luta em defesa das PcD em nosso Estado. “Tenho certeza que a Viviane irá representar milhares de mães que lutam para buscar tratamentos específicos para seus filhos, a bandeira da Viviane é voltada à inclusão dessa parcela da população que representa mais de um milhão em nosso Amazonas e em Brasília ela irá trazer recursos para a construção de um centro de reabilitação em nosso Estado” disse o senador.

Mais de 200 pessoas lotaram o hotel Da Vinci e se emocionaram com a fala de Viviane. Ao final do evento Viviane agradeceu a presença sua família e filhas e foi surpreendida com a intervenção do marido Júnior que destacou o trabalho fantástico que Viviane faz em prol das filha e de dezenas de pessoas com deficiência e seus familiares.

O evento contou com a presença do presidente da Associação Amazonense dos Municípios (AAM) e prefeito de Manaqui, Jair Solto (MDB), prefeito de Itamarati, João Campelo (MDB) e do ex-prefeito de Tapauá, Zezito.