Conecte-se Conosco

Prefeitura

Prefeitura realiza limpeza no anfiteatro e recomposição no calçadão da Ponta Negra

Publicado

em

O cartão-postal natural de Manaus, o complexo turístico Ponta Negra, na zona Oeste, está passando por uma ampla higienização e limpeza realizados pela Prefeitura de Manaus. Equipes da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp), nesta segunda, 29, e terça-feira, 30/11, realizaram uma lavagem completa da estrutura do anfiteatro e dos calçadões, além da recolocação de pedras portuguesas.

Um dos palcos do “Natal das Águas, Luz da Esperança”, o complexo turístico, administrado pelo Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), se tornou cenário instagramável com as luzes e cores da magia da época natalina, com ornamentação especial.

Os serviços de manutenção se concentram na reposição e recomposição de trechos do calçadão inferior, no acesso à praia, nos mosaicos. As rochas de calcário e basalto portugueses fazem os desenhos do parque e são repostas uma a uma, em um trabalho bastante artesanal.

“O trabalho de manutenção, determinado pelo prefeito David Almeida, é necessário e feito periodicamente no espaço, sendo intensificado neste período, após a retomada do funcionamento do complexo, para melhor atender ao público, mesmo no período intenso de chuvas”, explicou o diretor-presidente do Implurb, engenheiro Carlos Valente.

Natal

Quem frequenta o espaço já encontra vários pontos chamados de instagramáveis, que dão às pessoas, experiências e interações com o ambiente decorado e artístico, para registrar o passeio, as luzes natalinas e a beleza do parque às margens do rio Negro.

Entre os ambientes está o chafariz principal, que foi revitalizado e voltou a funcionar no dia do aniversário de Manaus, com o lançamento do “Ballet das Águas”, pelo prefeito David Almeida. Agora, a população pode apreciar a atração, diariamente, das 18h até as 21h, quando as luzes e sons são ativados.

Além do chafariz, está prevista para a orla da Ponta Negra a instalação do maior presépio em movimento do Brasil e a já tradicional árvore de Natal.

Desenho

Com um traçado sinuoso, que lembra o Encontro das Águas dos rios Negro e Solimões, o calçadão tem desenhos em pedras portuguesas, semelhante aos que foram usados pelo paisagista Burle Max,
no calçadão de Copacabana (RJ). Desde 2011, a praia não desaparece mais sob as águas do rio Negro, durante a cheia. A técnica de praia perene foi a mesma usada em praias famosas como as de Copacabana, e nas ilhas artificiais de Dubai, nos Emirados Árabes.

A praia perene, que tem 4,8 mil metros quadrados, foi entregue durante a obra de requalificação da primeira etapa da Ponta Negra, no ano de 2012.

As pedras portuguesas apareceram primeiro em Manaus, no largo de São Sebastião, em frente ao Teatro Amazonas, em 1905. Na Ponta Negra, os desenhos são geométricos e em ondas sinuosas, conferindo ao espaço um piso antiderrapante, que tem mais absorção de águas pluviais e retém menos calor.

Segurança

A comissão que coordena a gestão do parque montou a estrutura para receber os frequentadores, reforçando a necessidade dos cuidados básicos à prevenção na pandemia, como o uso de máscara e o distanciamento social, além da vacinação e dos esforços da prefeitura, para garantir o máximo de imunização à população. O complexo também recebe constantemente serviços de capinação, poda e limpeza pública.

Os corpos permanentes de segurança, incluindo a Guarda Municipal, com ciclopatrulha, a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros, atuam no monitoramento da praia e na segurança dos banhistas até as 17h, bem como na segurança e manutenção do patrimônio de todo o complexo.

Fotos – Divulgação / Implurb