Conecte-se Conosco

TCE-AM

Conselheiro aposentado Josué Filho recebe homenagem pelos 13 anos de atuação no TCE-AM

Publicado

em

Em comemoração aos 71 anos de fundação do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM), a Corte de Contas realizou, na manhã desta quarta-feira (13), uma homenagem especial aos 13 anos de serviços prestados pelo conselheiro aposentado Josué Filho.

Durante a solenidade, realizada no auditório, Josué Filho recebeu uma placa especial e um vídeo-homenagem dedicado a demonstrar os feitos da sua carreira.

“Apesar de ter se aposentado, o nosso companheiro Josué Filho será sempre um conselheiro entre nós. Essa é uma justa homenagem pelo tempo em que ele se dedicou de corpo e alma com a Corte de Contas amazonense, sempre dando o seu melhor, até o momento de sua aposentadoria”, disse o presidente do TCE, conselheiro Mario de Mello.

Ao receber a homenagem, Josué Filho relembrou sua trajetória como homem público até chegar a ser conselheiro do TCE-AM. Segundo ele, o grande objetivo de sua passagem foi tornar a Corte de Contas mais humanizada.

“Minha navegação foi muito longa até chegar neste porto do tribunal. Aqui encontrei mais que companheiros de trabalho, encontrei grandes amigos. Termino minha jornada por aqui, com a certeza e consciência de que fiz o possível para tornar a nossa Corte de Contas em um tribunal cada vez mais humanizado, mais ecológico, mais célere e amazonense de verdade”, destacou Josué Filho.

A solenidade de homenagem contou com a presença de secretários, diretores, servidores e estagiários do TCE e teve transmissão ao vivo pelas redes sociais da Corte de Contas amazonense.

Também participaram da sessão solene os conselheiros Ari Moutinho Júnior, Érico Desterro, Julio Cabral, Josué Cláudio, além dos auditores Mário Filho, Alípio Firmo Filho, Luiz Henrique e Alber Furtado. Representando o Ministério Público de Contas (MPC), esteve presente o procurador-geral João Barroso. A conselheira Yara Lins dos Santos não esteve presente por motivo justificado, mas deixou uma mensagem de homenagem ao conselheiro aposentado Josué Filho.

Também estiveram presentes o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), deputado Roberto Cidade, e os deputados Serafim Corrêa, Fausto Júnior e João  Dias.

Trajetória

Com mais de 48 anos de vida pública, administrador por formação superior, Josué Filho já presidiu a Câmara Municipal de Manaus (CMM), a Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam) e já comandou várias secretarias do município e do Estado, entre elas, a Secretaria de Estado de Educação (Seduc).

Josué Filho foi nomeado conselheiro da Corte de Contas em 21 de fevereiro de 2008, a partir da indicação da Assembleia Legislativa do Amazonas, e tomou posse no dia seguinte. Ele assumiu a presidência da Corte de Contas em 2013 (biênio 2014/2015).

Antes de se aposentar do TCE, foi presidente da 1ª Câmara da Corte de Contas. Josué Filho foi um dos conselheiros com o maior percentual de eficiência na tramitação processual desde que ingressou no TCE, em 2008.

Os números apontam que dos processos que entraram em seu gabinete, uma média de 2,4 mil por ano, apenas 2% ficou para ser julgado no ano seguinte. O desempenho é sempre maior que 95,94%.O conselheiro Josué Filho completa 75 anos no dia 15 de abril de 2021.

Programação

Ainda fazendo parte das atividades comemorativas dos 71 anos do TCE-AM, os conselheiros do Tribunal Pleno homenagearam 70 servidores com a entrega do Diploma do Mérito Funcional, em reconhecimento aos relevantes serviços prestados à Corte de Contas amazonense.

Já na quinta-feira (14), dia do aniversário do TCE, após bênção feita por um padre e um pastor, no auditório, familiares de cinco conselheiros do Tribunal já falecidos receberão, como homenagem, a entrega de um exemplar do ‘Projeto Memória’, que resgata a história de ex-presidentes que administraram a Corte de Contas. A entrega será feita pelo presidente do TCE, conselheiro Mario de Mello.

A manhã do aniversário também será marcada pela inauguração de um mural em grafite, com motivos amazônicos e de 46 metros de comprimento, idealizado pelos artistas amazonenses João Bosco e Ricolla. A parede fica no corredor térreo do prédio principal do Tribunal. Também será inaugurado os estúdios de Rádio e de TV Conselheiro João dos Santos Braga, na Diretoria de Comunicação (Dicom), além da inauguração da sala de convivência conselheiro José Ribeiro.

Já na parte da tarde será feito o lançamento do ‘Projeto Casa TCE-AM Século 22’, no Centro de Manaus, onde um dia funcionou a segunda sede da Corte de Contas. Após a assinatura de parceria público-privada envolvendo o TCE-AM e a Prefeitura de Manaus, o complexo passará por uma restauração e, a partir de 2022, funcionará como um museu virtual para eternizar os métodos e as práticas realizadas pelos servidores e conselheiros do TCE no século atual.

Os eventos terão fim na sexta-feira (15), no auditório do TCE, com palestra da médica cardiologista Ludhmila Abrahão Hajjar. O evento antecederá a entrega a personalidades do ‘Colar do Mérito de Contas, a mais alta condecoração concedida pela Corte de Contas amazonense às pessoas que se destacaram ou se destacam por serviços relevantes prestados à sociedade do Amazonas.