Conecte-se Conosco

Prefeitura

Prefeitura realiza premiação do concurso de produção textual ‘Super Escritores’ com alunos da DDZ Sul

Publicado

em

Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), realizou nesta terça-feira, 20/7, na escola municipal André Vidal de Araújo, zona Centro-Sul, a premiação do Concurso de Produção Textual “Super Escritores”, que ocorreu de 17 a 28 de junho. A ação teve como objetivo desenvolver as habilidades de leitura, escrita e a capacidade criadora, através da construção de vivências significativas no processo de ensino e aprendizagem no componente curricular de Língua Portuguesa dos alunos do 2º, 5º e 9º anos do ensino fundamental das escolas da Divisão Distrital Zonal (DDZ) Sul. 

A solenidade contou com a participação do subsecretário de Gestão Educacional, professor Carlos Guedelha; do diretor do Departamento Geral dos Distritos (DGD), professor Júnior Mar; gestores, professores, alunos e pais ou responsáveis, além do poeta amazonense Tenório Telles. 

Segundo o subsecretário Carlos Guedelha, a função da escola é formar leitores e escritores competentes. “Não existe cidadania plena sem o acesso ao mundo da leitura. Desse modo, a escola deve criar situações reais de leitura e produção de texto, então um evento como esse muito vem contribuir para que o aluno se desenvolva, porque nós nos envolvemos em sociedade por meio de textos e, quando desenvolvemos a textualidade dos alunos, consequentemente desenvolvemos a cidadania, e esse é o nosso objetivo na gestão do prefeito David Almeida”, enfatizou.

A chefe da DDZ Sul, professora Jecicleide Nascimento, comentou sobre o êxito do concurso. “Estamos bastante satisfeitos e alegres com essa premiação, principalmente ao ver a felicidade dos alunos e dos seus pais, e saber que estamos tendo reconhecimento dos professores e gestores por um trabalho que está contribuindo para o aprendizado e a formação de cidadãos e, quem sabe, futuros escritores”, completou.

Vencedores


Entre os concorrentes do 2° ano, a aluna Ana Geovana Pereira, 7, da escola municipal Sebastião Padre Puga, garantiu o primeiro lugar, com a produção de um cartaz sobre a “Pandemia da Covid-19”. Já na categoria 5° ano, foi o estudante José Murillo Lopes, 11, da escola municipal Izabel Angarita, com a produção textual sobre o trabalho infantil.  Entre os candidatos do 9° ano, o ganhador foi o aluno Walmir Moraes, 16, da escola municipal Antônio Matias Fernandes, que elaborou o texto “O efeito dos memes”. Os ganhadores foram premiados com medalhas, certificados e troféus. 

“Essa premiação é muito importante para mim, porque eu vou me dedicar ainda mais aos estudos, não somente em português, mas em outras matérias, sendo um grande incentivo para o início do meu ensino médio”, destacou o aluno Walmir Moraes.

Homenagens

O poeta convidado, Tenório Telles, foi homenageado pela sua contribuição à literatura amazonense e houve a entrega de certificados de honra ao mérito aos gestores das 24 escolas participantes do concurso. 

“Estou muito contente em participar desse evento e tenho certeza de que muitas crianças, que participaram deste projeto, vão despertar seu interesse pela leitura, livros e escrita e, possivelmente, vão se encantar com as palavras, e poderão no futuro se tornar escritores para ajudar a literatura da nossa terra”, pontuou Telles.

Texto – Andrew Ericles / Semed

Fotos – Eliton Santos / Semed

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *